Dinossauro precioso

Uma nova espécie de dinossauro foi nomeada recentemente, sendo chamado de Weewarrasaurus pobeni. O nome homenageia o campo de opala Wee Warra, onde o fóssil foi encontrado, e o comprador de opalas Mike Poben, que viu algo especial no espécime e o doou para pesquisa.

“Eu fui atraído imediatamente”, disse Poben.

E de fato tinha visto. Os ossos encontrados no campo de opala, um mineraloide que produz pedras preciosas com brilho de cores variadas. Pelo fato do processo de fossilização ter ocorrido nessa região onde o solo é rico em sílica, esse espécime de aproximadamente 100 milhões de anos acabou recebendo o adorno do brilho das opalas.

10585588-3x2-700x467
Weewarrasaurus pobeni em bando.

Os fósseis foram encontrados em 2013 e contam com o osso maxilar do dinossauro. Weewarrasauras pobeni é o primeiro dinossauro a ser nomeado em Nova Gales do Sul em quase um século.

Poben encontrou o fóssil há cinco anos e o compartilhou com o paleontologista Phil Bell, da Universidade da Nova Inglaterra, em Armidale. Dr. Bell e sua equipe passaram os últimos dois anos investigando e identificando. O Weewarrasaurus pobeni era um dinossauro ornitópode, bípede, vegetariano, do tamanho de um cão de médio porte.

“Há certas características sobre os dentes que são uma campainha morta para um grupo de dinossauros que chamamos de ornitópodes, e estes são todos animais caracteristicamente relativamente pequenos, do tamanho de cães e bípedes que comem plantas.” relatou Dr. Bell.

7c3aae0b-9a74-4d89-b1ff-83bf3d6bc79e.jpg
Opala natural de Lightning Ridge, mesmo material encontrado no fóssil.

Lightning Ridge é o único lugar no mundo onde comumente os fósseis tornam-se opala. A Universidade da Nova Inglaterra está agora investigando a aquisição de minas conhecidas por produzir fósseis.

“Infelizmente, os remanescentes fósseis que vemos são quase sempre parte do despojo da mineração … mas, por outro lado, nunca conseguiríamos ver nem mesmo esses fragmentos se não fosse pela mineração”, disse Bell.

Poben doou os ossos encontrados para a coleção do Australian Opal Centre, o museu com maior acervo de fósseis opalizados.

Fontes:

https://www.nationalgeographic.com/science/2018/12/exclusive-sparkly-opal-filled-fossils-reveal-new-dinosaur-species-paleontology/

https://en.wikipedia.org/wiki/Weewarrasaurus

https://www.abc.net.au/news/2018-12-05/weewarra-dinosaur/10583990

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: